34 imagens para você repensar completamente sua existência

34 imagens para você repensar completamente sua existência

Qual é a razão da existência humana?

Esta talvez seja a pergunta mais antiga já feita pelo homem. As imagens a seguir colocam um pouco mais de tempero nas possíveis respostas.

Quer ver? Acompanhe.

1. Esta é a Terra. Você e eu moramos aqui.

awebic-repensar-existencia-humana-1

2. E aqui é onde estamos exatamente em nossa vizinhança, o Sistema Solar

awebic-repensar-existencia-humana-2

Continuar lendo 34 imagens para você repensar completamente sua existência

Espaçonave movida pela luz solar é lançada com sucesso

LightSail foi pensada pelo astrofísico Carl Sagan na década de 1970 e pode revolucionar a exploração espacial


O foguete Atlas V, da Nasa, decolou da base aérea de Cabo Canaveral, na Flórida, nesta quarta-feira – Divulgação/Sociedade Planetária

A Sociedade Planetária, ONG fundada em 1980 por Carl Sagan, Bruce Murray e Louis Friedman, anunciou o sucesso do lançamento da LightSail, pequena espaçonave do tamanho de um pacote de pão de forma, mas com uma vela solar de 32 metros quadrados e apenas 4,5 micrômetros de espessura. Ela foi enviada ao espaço nesta quarta-feira a bordo de um foguete Atlas V, da Nasa, que decolou da base aérea de Cabo Canaveral, na Flórida, às 12h05, pelo horário de Brasília.

“Manhã perfeita para o lançamento de um foguete. Vamos mudar o mundo!”, escreveu pelo Twitter Bill Nye, diretor executivo da Sociedade Planetária.

Este primeiro teste não levou a espaçonave à altitude suficiente para o funcionamento da vela solar. A ideia era apenas testar a sequência de lançamento e abertura da vela. Um segundo teste, programado para abril do ano que vem, será completo, com lançamento a bordo do Falcon Heavy, da SpaceX. Ela será liberada a uma altitude de 720 quilômetros, o suficiente para escapar da atmosfera terrestre.

Continuar lendo Espaçonave movida pela luz solar é lançada com sucesso

Astros vão formar um sorriso no céu do Brasil na noite desta quarta

Foto: Arquivo Geografia Onne
Foto: Arquivo Geografia Onne

Os brasileiros que olharem para o céu na noite desta quarta-feira, 20, vão se deparar com uma curiosa configuração dos astros. Entre as 18h e as 20h, a combinação da Lua, de Vênus e de duas estrelas vai formar um sorriso.

Como a Lua será crescente, ela ficará parecida com uma boca sorrindo. O planeta Vênus ficará na posição do nariz e as estrelas Pollux e Castor, que pertencem à constelação de Gêmeos, vão representar os olhos. O fenômeno foi descrito pelo professor Marcos Calil no site da Climatempo.

Logo depois do anoitecer, Vênus vai surgir muito brilhante. As estrelas vão aparecer em seguida e também com um brilho intenso, o que tornará possível assistir ao espetáculo a olho nu, mesmo em cidades grandes e com poluição luminosa artificial – como São Paulo e Rio.

Continuar lendo Astros vão formar um sorriso no céu do Brasil na noite desta quarta

A Mística região de Wulingyuan – Fonte de inspiração para “Avatar”

A incrível região de Wulingyuan fica na província de Hunan, na China. Foi declarada Património Mundial em 1992 na Área de Interesse Cênico e Histórico. As características geográficas mais notáveis do parque são as suas formações em forma de pilares, que existem por todo o parque, sendo mais de 3.000 e cuja maioria tem mais de 200 metros de altura.

Montanhas da China (1)

No Zhangjiajie National Forest Park, China, são encontradas formações geológicas realmente impressionantes. Elas parecem saídas de um filme de ficção científica, mas, na realidade, foram elas que deram origem à paisagem fantasiosa do filme Avatar – especialmente a montanha de Hallelujah.

Continuar lendo A Mística região de Wulingyuan – Fonte de inspiração para “Avatar”

Pelo fim dos lixões

Programa Sou Resíduo Zero quer engajar empresas e sociedade a acabar com a geração de lixo. Ao reduzir o consumo de embalagens e dar destino correto aos resíduos, será possível dar adeus aos lixões do país

Estima-se que o brasileiro produza por dia um quilo de resíduos sólidos. Esta seria a quantidade de embalagens, restos de alimentos e outros tipos de materiais que o cidadão joga no lixo diariamente. Em 2013, este volume todo somado chegou a 76 milhões de toneladas.

Apesar da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) já ter entrado em vigor e ter estabelecido agosto de 2014 como prazo para que resíduos sólidos e rejeitos tivessem destinação final ambientalmente adequada, em muitas cidades do Brasil os lixões ainda estão funcionando livremente.

Com o objetivo de engajar pessoas, comunidades e empresas a reduzir a geração de resíduos e estimular ao máximo o reaproveitamento, reciclagem e compostagem, foi lançado este mês, em São Paulo, o Programa Sou Resíduo Zero, idealizado pela consultoria Eccaplan.

Continuar lendo Pelo fim dos lixões

Dia Mundial da Reciclagem, conheça os benefícios

11148620_654405277994402_8930617268485523925_nNeste Dia Mundial da Reciclagem faça a sua parte: separe o lixo de sua casa e valorize o trabalho do catador de materiais recicláveis!

A reciclagem é um importante componente da gestão de resíduos sólidos, pois ajuda a reduzir o consumo de matérias-primas, água e energia. Além disso, diminui os impactos ambientais provocados pela disposição inadequada dos resíduos e proporciona a abertura de novos mercados, gera trabalho, emprego e renda, conduzindo à inclusão social.

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) traz diretrizes sobre o tratamento e o destino dos materiais descartados diariamente e prevê a “responsabilidade compartilhada”, que envolve sociedade, empresas, prefeituras e governos municipais, estaduais e federais na gestão do resíduo. Todos podem colaborar com o meio ambiente!

© Copyright MMA

Por que o norte encheu e o sudeste secou?

Para falar das mudanças climáticas, é preciso discutir escalas geográficas e ação humana

Em 2014, o clima surpreendeu todos os brasileiros. Enquanto no norte e sul do país choveu muito além do esperado, o sudeste sofreu com a seca e o esvaziamento das represas. O caso mais grave é o do Sistema Cantareira, responsável pelo abastecimento de boa parte da cidade de São Paulo e sua região metropolitana.

Para 2015, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) previu chuvas ligeiramente abaixo da média nas regiões Norte e Sul e precipitações um pouco acima do normal nas regiões Centro-Oeste e Sudeste. Mas até meados de janeiro, a situação não era animadora. Pelo contrário: em São Paulo e no Rio de Janeiro, por exemplo, as temperaturas bateram recordes, choveu pouco e longe dos reservatórios. A possibilidade de racionamento de água e energia nos grandes centros urbanos é cada vez mais concreta.

 

Continuar lendo Por que o norte encheu e o sudeste secou?

Ampliando sua visão do Mundo.