Eclipse Lunar Total e Lua de Sangue de 04 de abril será transmitido ao vivo. Confira!

kahl-68145

Mais um belo evento astronômico vem vindo ai.
No próximo dia 04 de abril teremos o primeiro Eclipse Lunar Total (Lua de Sangue) de 2015. Esse evento pertence a Tétrade de eclipses, que são quatro eclipses lunares seguidos. Uma pena que não vai ocorrer aqui no Brasil, mas  você poderá assistir a transmissão ao vivo, aqui mesmo em nosso site, uma cortesia do Clube de Astronomia Órion e do Projeto Slooh.Este é o primeiro de dois eclipses lunares totais em 2015.

E pra tirar a dúvida e esclarecer tudo sobre esse grande evento, preparamos essa matéria especial. Confira!

Como acontece um eclipse lunar?

diferença de eclipse lunar para eclipse solar

Um eclipse lunar acontece quando a Terra se posiciona exatamente entre o Sol e a Lua, e com isso, o nosso planeta projeta uma sombra no nosso satélite natural. Essa sombra pode ser vista a partir de algumas regiões do nosso planeta, que é onde o eclipse é visível. Como a órbita da Lua é ligeiramente inclinada em relação a trajetória do Sol no céu, a Lua quase sempre passa abaixo ou acima da sombra projetada pela Terra, por isso os eclipses lunares não acontecem em todas as luas cheias.

O Eclipse Lunar do dia 04 de abril vai ser visível no Brasil? Qual horário?

O Eclipse Lunar Total de 4 de abril de 2015 será visível no oeste da América do Norte, no Pacífico, leste da Ásia, Austrália e Nova Zelândia. No Brasil, o Eclipse Lunar do dia 04 de abril será visível parcialmente. Já no extremo leste do Brasil (Alagoas, Bahia, Ceará, Pernambuco, entre outros), o eclipse não será visível.

visibilidade eclipse lunar 4 de abril de 2015
Áreas escuras não poderão observar o eclipse lunar de abril de 2015 Créditos: NASA

O eclipse lunar total do dia 4 de abril de 2015 terá início às 10h15 UTC e término às 13h44 UTC, e a totalidade do eclipse terá duração de 4 minutos e 43 segundos. O eclipse parcial terá início às 09h01 UTC (06h00 pelo horário de Brasília), e término às 14h58 UTC (11h58 pelo horário de Brasília).

Lua de Sangue do dia 04 de abril de 2015: o que isso significa?

Algumas vezes a Lua passa pela penumbra dessa sombra projetada pela Terra, o que chamamos de Eclipse Lunar Penumbral, evento quase imperceptível, pois a Lua ganha apenas um leve sombreado. Às vezes a Lua chega a passar um pouco pela sombra central, o que chamamos de Eclipse Lunar Parcial, porém, o mais raro de todos é o Eclipse Lunar Total, que também é chamado de Lua de Sangue. Na verdade, esse apelido “Lua de Sangue” não é correto, pois a Lua só ganha a coloração avermelhada em alguns casos imprevisíveis. Portanto, seria correto chamar um eclipse lunar total de Lua de Sangue apenas se ele já aconteceu, e realmente teve a famosa coloração avermelhada.

A Tétrade de Eclipses Lunares

Um Eclipse Lunar Total já é um evento raro por si só, mas o que torna esse eclipse do dia 04 de abril ainda mais especial é o fato dele fazer parte de uma tétrade de eclipses, que é quando quatro eclipses lunares totais acontecem seguidos (evento conhecido popularmente como quatro Luas de Sangue). A última vez que uma série de eclipses lunares totais aconteceu em sequência foi em 2003 e 2004, e apenas mais sete sequências como essa acontecerão no século atual.

O primeiro eclipse dessa tétrade aconteceu no dia 15 de abril de 2014, o segundo no dia 08 de outubro de 2014, o terceiro acontece agora, e o último será no dia 28 de setembro de 2015.

lunar-eclipse
Eclipse lunar

Os Eclipses Lunares Totais, ou Luas de Sangue (como são conhecidos), são vistos como eventos de má-sorte ou são correlacionados com catástrofes globais, etc… porém, trata-se apenas de um evento astronômico natural, cuja beleza é o único ingrediente para que ele seja visto com grandeza e esplendor.

Transmissão ao vivo

Como de costume, você poderá assistir a transmissão ao vivo do Eclipse Lunar Total no dia 04 de abril aqui em nosso site, uma cortesia do Clube de Astronomia Órion e do Projeto Slooh.

A transmissão ao vivo será feita a partir de vários locais em todo o mundo, com duração de aproximadamente quatro horas. A cobertura completa terá narração (em inglês) de Bob Berman, Will Gater, e Eric Edelman.

A transmissão ao vivo será exibida pelo observatório Slooh através desse link.

Em breve faremos outra matéria com links e players ao vivo de outros sites, se confirmar, teremos a transmissão ao vivo de um dos nossos parceiros brasileiro.
Conheça também o site oficial do Projeto Slooh

Fiquem atentos para mais informações a qualquer momento.

Clube de Astronomia ÓrionClube de Astronomia Órion

© Copyright Clube de Astronomia Órion / Prof. Henrique D. F. Souza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s