Os maiores asteroides que passarão “perto” da Terra em 2014

Em meio a tantas profecias apocalípticas sobre a destruição do Planeta Azul, é bom ficar antenado no que a NASA tem a dizer sobre isso

Os maiores asteroides que passarão "perto" da Terra em 2014

A aproximação de um asteroide com a Terra sempre gera notícias mirabolantes sobre o fim do mundo ou algo parecido, causando medo e apreensão em muitas pessoas ao redor do globo. Contudo, são poucos os que sabem a verdade: desde a formação de nosso planeta, inúmeras rochas — algumas pequenas, outras gigantes — orbitam e sempre orbitarão o nosso planeta.

Em média, todo dia caem milhares de objetos do tamanho de um grão de areia por aqui, e a cada duas semanas despenca do céu algo parecido com uma bola de basquete. Isso acontece por causa da gravidade terrestre e não causa nenhum tipo de dano ao planeta, mas existem alguns deles que são verdadeiras rochas gigantes em alta velocidade no espaço.

Fato é que, se algum asteroide gigante se chocasse com a Terra, iria trazer inúmeros prejuízos à população e à natureza — alterando o clima, aumentando drasticamente as marés e até mesmo deslocando o eixo terrestre de sua posição, aniquilando grande parte dos seres vivos. É justamente com esses “caras” que a atenção dos especialistas no assunto sempre está voltada.

Atualmente, a NASA já catalogou mais de 10.817 objetos rochosos se movimentando em torno do planeta. Porém, a maioria deles não apresenta risco algum para a humanidade, além do que esses objetos dificilmente são vistos a olho nu durante sua passagem e, mesmo aqueles que são considerados “próximos”, estão a anos-luz da Terra.

Mesmo assim, saiba que o site oficial do JPL (Laboratório de Propulsão a Jato da NASA) apresenta diversos relatórios oficiais — com listagens mensais e anuais dos objetos detectados —, valendo a pena dar uma conferida, chamado de Near-Earth Object Observations Program.

Em um desses documentos, é possível descobrir quais são os objetos rochosos que podem ter seu destino alterado — o que aumentaria bruscamente o risco de impacto com o nosso planeta. Confira uma lista que elaboramos com algumas das maiores rochas que vão passar “perto” do planeta em 2014, em que vale a sua torcida para que as rotas deles não sofram alterações, assim possamos viver um pouco mais por aqui.

2013 XM24

JPL NASAFonte: JPL NASA

Esse “bebê viajante” possui um tamanho que pode variar entre 440 e 990 metros e seu peso é de 574,1 milhões de toneladas. Sua velocidade média é de 22 km/s e ele vai passar “perto” do nosso planeta no dia 30 de junho, quando estará a uma distância de 16.904.554,64 km da Terra.

2006 SX217

JPL NASAFonte: JPL NASA

Apenas um pouco maior do que a anterior, esta “criança” pode chegar até 1 km de tamanho, pesando mais de 611 milhões de toneladas. Ela orbita a “nossa casa” de maneira mais lenta, apenas a 13 km/s. Seu ponto de aproximação máxima será no dia 24 de abril, a 4.742.251,17 km daqui.

2001 BA40

JPL NASAFonte: JPL NASA

Este asteroide pode chegar a ter mais de 1 km de comprimento e viaja bem lentamente, a apenas 10 km/s. Possui mais de 774 milhões de toneladas e vem rondar a Terra a uma distância de 27.226.804,82 km nos dias 25, 26, 27 e 28 de junho.

2008 TA1

JPL NASAFonte: JPL NASA

Similar ao anterior, este bloco de rocha tem o seu tamanho variado: 480 metros a quase 1,2 km. Ele está viajando pelo espaço a 15 km/s e pesa mais de 774 milhões de toneladas. Sua aproximação máxima será nos dias 13, 14 e 15 de maio, quando ele estará a 22.439.674,3 km de distância.

2014 GY48

JPL NASAFonte: JPL NASA

Um pouco maior do que os anteriores, esse “vizinho” pode chegar a ter 1,3 km de comprimento, voando a 23 km/s. Se ele caísse por aqui, seria mais de um gigatonelada em cima da nossa cabeça. A menor distância dele será em 04 de maio, em que ele vai estar a 17.502.945,96 km de distância do Planeta Azul.

2005 UK1

JPL NASAFonte: JPL NASA

Prontos para o pódio? A medalha de bronze fica com esse “meninão”, que pode chegar a ter mais de 1,5 km em seu tamanho. Ele está orbitando a Terra na velocidade de 20 km/s, pesando praticamente 2 gigatoneladas. No dia 21 de maio, sua rota estará mais próxima daqui, a uma distância de 14.107.075,24 km.

2002 JC

JPL NASAFonte: JPL NASA

Esse é o segundo melhor colocado na lista dos maiores asteroides que vão passar por aqui em pleno ano de copa. Este “primo distante” do nosso planeta é um verdadeiro gigante: são mais de 5 gigatoneladas de peso, podendo chegar a até 2 km no comprimento. Ele viaja a uma velocidade de 24 km/s e chega “perto” daqui em 24 de maio, a uma distância de 18.699.728,58 km.

1997 WS22

JPL NASAFonte: JPL NASA

Sem horas e sem dores, este é o grande vencedor! Descoberto em 1997, este imenso bloco de rocha maciço possui mais de dois quilômetros de extensão em seu tamanho e voa a quase 13 km/s. Tem mais de 5 gigatoneladas e vai orbitar nosso planeta a uma distância “próxima” de 18.101.337,27 km de nosso planeta entre os dias 20 e 23 de maio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s