Continente perdido pode ter sido descoberto no fundo do Oceano Índico

Pesquisadores encontram evidências de uma massa de terra pré-histórica que existiu há vários milhões de anos no nosso planeta.
Fonte da imagem: pixabay Continente perdido pode ter sido descoberto no fundo do Oceano Índico

De acordo com a BBC, um grupo de pesquisadores da Universidade de Oslo, na Noruega, encontrou evidências sobre um continente perdido que existiu entre 2 bilhões e 85 milhões de anos atrás. Hoje ele se encontra no fundo do Oceano Índico — e não pense que se trata de Atlantis! Na verdade, os cientistas parecem ter encontrado provas que confirmam a existência do microcontinente pré-histórico conhecido como Mauritia.

Segundo a publicação, há 750 milhões de anos existia no nosso planeta uma única massa de terra que formava um vasto supercontinente chamado de Rodínia. Assim, antes da separação que eventualmente deu origem aos continentes atuais, a ilha de Madagascar e a Índia se encontravam juntas.

Os pesquisadores encontraram indícios da existência do microcontinente pré-histórico entre essas duas massas de terra, provavelmente formado pela fragmentação de uma parte da Ilha de Madagascar quando esta se separou da Índia — mas que acabou sendo engolida pelo mar devido ao deslocamento das massas continentais, entre 83,5 e 61 milhões de anos atrás.

Grãos de areia pré-históricos

 

Fonte da imagem: Reprodução/BBC

A conclusão sobre a descoberta ocorreu depois que os pesquisadores encontraram nas areias das Ilhas Maurício grãos de zircão — mineral pertencente ao grupo do neossilicatos — formados entre 2 bilhões e 600 milhões de anos atrás, que provavelmente foram trazidos à superfície durante alguma erupção vulcânica. Conforme explicaram, esse tipo de material coincide com o que normalmente é encontrado nas crostas continentais.

Para os cientistas, esses grãos são remanescentes de uma antiga massa de terra, que hoje está enterrada a cerca de 10 quilômetros sob as Ilhas Maurício. Além disso, apesar de o microcontinente ter desaparecido conforme a Índia foi se separando de Madagascar, os pesquisadores acreditam que uma pequena parcela possa ter sobrevivido.

Segundo os pesquisadores, as Ilhas Seychelles são um “pedaço” de granito — ou crosta continental — localizado praticamente no meio do Oceano Índico. Contudo, no passado, essa massa se localizava ao norte de Madagascar e, assim como esses fragmentos continentais, existem muitas outras espalhadas pelo oceano. Para poder averiguar o que realmente resta desse antigo microcontinente, serão necessários mais estudos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s